PUBLICIDADE

?max-results="+numposts2+"&orderby=published&alt=json-in-script&callback=recentarticles66\"><\/script>");

Instagram

Life-Style

Popular Posts

Popular Posts

Facebook

Esperamos votação da reforma da Previdência em outubro, diz Meirelles

João de Bourbon     08:00    

O ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, afirmou nesta quinta-feira que a expectativa é de ver a reforma da Previdência aprovada em outubro, prazo que contemplaria sua apreciação tanto na Câmara dos Deputados quanto no Senado.

Falando a jornalistas após participar de conferência organizada pelo Goldman Sachs, Meirelles avaliou que não há espaço para flexibilização do projeto, que preservou ao redor de 75 por cento dos benefícios fiscais calculados originalmente pela equipe econômica da forma como aprovado em comissão especial na Câmara.

"Achamos que funciona, mas não há muita margem para mudar isso", disse, voltando a ressaltar a importância da matéria para o reequilíbrio fiscal no país.

Na véspera, a Câmara dos Deputados rejeitou a denúncia contra o presidente Michel Temer pelo crime de corrupção com o apoio de 263 parlamentares  pouco acima da maioria, mas num número ainda distante dos 308 necessários para aprovar uma mudança constitucional, como a proposta para a Previdência.

Questionado a respeito dessa diferença, Meirelles avaliou que são votações diferentes.

"O que foi feito foi uma decisão específica, sobre um assunto específico e que foi tomada decisão clara a esse respeito, com quórum demandado para aquela decisão", disse.

Meirelles disse ainda que o governo está "trabalhando duro" na reforma tributária, que deverá ser apresentada ao Congresso Nacional "proximamente". Para esta reforma, prevê votação ainda em 2017.

Questionado sobre a viabilidade da meta fiscal deste ano, que vem sendo colocada em xeque diante da fraqueza na arrecadação e frustração com receitas extraordinárias, Meirelles afirmou que a princípio a meta é de déficit primário de 139 bilhões de reais, e que o objetivo é cumpri-la.

O ministro ressaltou que a equipe econômica está observando com cuidado e atenção a evolução da arrecadação para saber se serão necessárias medidas adicionais.

Nesta quinta-feira, a Receita Federal divulgou que a segunda rodada do programa de regularização de ativos no exterior, mais conhecido como repatriação, gerou receitas de 1,615 bilhão de reais, bem abaixo da última estimativa oficial do governo, de 2,85 bilhões de reais.

(Reuters)

Facebook deve intensificar checagem de fatos para combater notícias falsas

João de Bourbon     02:16    

O Facebook deve enviar mais artigos potencialmente falsos para verificadores de informações terceirizados e mostrar as descobertas abaixo da publicação original, informou a maior rede social do mundo nesta quinta-feira, em um esforço para conter a circulação de notícias falsas.

Em comunicado, a companhia disse que começará a usar algorítimos para detectar possíveis notícias falsas e enviá-las aos verificadores de informação, potencialmente mostrando os resultados da checagem abaixo do artigo original.

O Facebook tem sido criticado como sendo um dos principais pontos de distribuição de notícias falsas, que muitos pensam ter influenciado o resultado das eleições presidenciais norte-americanas em 2016.

O problema também se tornou tópico de discussões políticas na Europa, com os eleitores franceses inundados por notícias falsas antes das eleições presidenciais na França, em maio, e a Alemanha apoiando um plano para multar as redes sociais que não conseguirem remover publicações de ódio prontamente, antes de eleições em setembro.

Nesta quinta-feira, o Facebook informou em um comunicado enviado separadamente em alemão que um teste da ferramenta de checagem de fatos estava sendo lançado nos Estados Unidos, na França, na Holanda e na Alemanha.

"Além de ver quais histórias são contestadas pelos verificadores de fatos terceirizados, as pessoas querem mais contexto para tomar decisões informadas sobre o que leem e compartilham", disse em um blog Sara Su, gerente de produto do feed de notícias do Facebook.

Ela acrescentou que o Facebook seguirá testando sua ferramenta de "artigos relacionados" e trabalhará em outras mudanças no feed de notícias para conter informações falsas.

(REUTERS)

O paraíso da comida de rua londrina

João de Bourbon     01:47    

Propostas gastronômicas sob o olhar do edifício Shard em animadas áreas ao sul do rio Tâmisa



A fila aumenta em questão de segundos às portas da Monmouth Coffee Company. É preciso esperar pelo que é bom, e o espresso dessa empresa de café é o estímulo perfeito para iniciar a visita ao mercado de Borough. Os donuts recém-feitos da padaria Breah Ahead saem em direção ao seu lugar, onde o bolo recheado de caramelo salgado com mel não para de ser vendido. Ainda não são dez e meia da manhã e já saem sanduíches de carne de porco em pedaços.

Aberto de segunda a sábado – apesar do trágico atentado ocorrido nessa área de Londres há poucas semanas –, nesse mercado é preciso se deixar levar pelos sabores e os aromas, esquecendo-se por completo das horas convencionais do almoço e da refeição. Pães, verduras, frutas, peixes, carne, chá, café, especiarias e produtos delicatessen são oferecidos em banquinhas que convidam a se esquecer do supermercado e das embalagens. Aqui os tomates têm gosto de tomate e as bancas tradicionais se combinam com as tendências culinárias do momento.

Do lado da catedral de Southwark, o mercado de Borough está há mais de um milênio localizado aos pés da London Bridge. William Shakespeare, especula-se, era um frequentador assíduo, e esta agora é uma parada obrigatória para os foodies que visitam a margem sul do Tâmisa. Esses sibaritas gastronômicos estão com sorte hoje, porque nas áreas próximas, situadas dentro do código postal SE1, existem mais propostas gastronômicas para satisfazer o paladar.


Flat Iron Square

A poucos minutos a pé do mercado de Borough, indo pela Southwark Street, e ao lado da antiga fábrica de chocolate Menier se abre um descampado que dá as boas-vindas a Flat Iron Square. Sete arcos ferroviários sob a linha de trem que liga a estação de London Bridge com Waterloo East possuem desde o final do ano passado essa nova alternativa de ócio aberta todos os dias da semana.

O bar, no arco 34, é o ponto de encontro para se tomar uma cerveja antes de comer alguma coisa. A decisão pode ser complexa pela diversidade de propostas entre as diversas bancas, foodtrucks (veículos que vendem comida) e seus três restaurantes. Pizzas ao forno, comida portuguesa e cantonesa, tapas, dumplings turcos, pancakes e saladas inovadoras são algumas das opções dentre as quais chama a atenção o macarrão lámen samurai ibérico.

A música é essencial nesse complexo graças a Omera. Essa casa de shows dirigida por Ben Lovatt, membro da banda Mumford & Sons, é uma das atrações dessa inciativa e seu bar é um álibi para terminar a noite com um drinque. Ou dois. Aos domingos, o descampado, que funciona como estacionamento, se transforma em um mercado de roupas, móveis, livros e vinis, cerâmicas e muito mais.

A Flat Iron Square é parte de um projeto que tenta recuperar o conjunto de arcos ferroviários da época vitoriana em Bankside. O trabalho é feito para se aproveitar esses locais abandonados e colocá-los à disposição da comunidade, da mesma forma que a Union Yard Arches, onde foi instalado o Teatro Cervantes de Londres.


Maltby

O mercado de comida de rua de Maltby nasceu com essa mesma filosofia. A fumaça do churrasco impregna o ambiente em um pequeno espaço no qual cabem diferentes mundos culinários: empanadas argentinas, as tradicionais tortas, as salsichas alemãs, guiozas, falafels... Comida para levar e engolir rápido caso não se encontre um lugar para sentar. Se conseguir, o melhor é observar as pessoas passando e acompanhar a refeição com uma cerveja artesanal e um coquetel enquanto a conversa fica difícil em alguns momentos pela passagem do trem.

Em funcionamento desde 2010 e a poucos minutos da Torre de Londres, o Maltby Street Market se transformou em um evento gastronômico aos finais de semana. Delimitado por novos edifícios de apartamentos e a linha ferroviária entre a London Bridge e New Cross, o beco de Ropewalk e seus arcos abrigam vários comerciantes no distrito de Bermondsey. Alguns já fizeram dos antigos armazéns sua casa como é o caso da destilaria Jensen e a adega espanhola Tozino. Mas a maioria é de negócios temporários (as chamadas startups) que se alternam para mostrarem seus produtos de modo que os visitantes sempre se deparam com novas surpresas.


Mercato Metropolitano

Um pouco mais ao sul do Tâmisa, ao lado da área de Elephant and Castle, o Mercato Metropolitano logo comemorará seu primeiro aniversário. O recinto, localizado no local de uma antiga fábrica de papel, é um arrazoado à cozinha baseada em produtos naturais. A matéria-prima é essencial em um mercado que defende a comida artesanal e onde o protagonismo fica com os pequenos comerciantes. É uma boa opção para se provar os diferentes sabores italianos: focaccias, pizzas, canoli, sorvetes, tiramisú, prosecco... sem se esquecer da comida internacional em bancas que oferecem arepas, ostras, charcutaria francesa, queijos, churrasco argentino, cozinha vietnamita, entre outras.

Seu fundador, o italiano Andrea Rasca, tenta conscientizar os visitantes com um modelo de negócio sustentável que ajude a estrutura social e econômica de Londres, e propõe para isso um local que vai além da gastronomia. O Mercato Metropolitano se transformou em um ponto de encontro. Suas instalações, além disso, contam com um mercado siciliano, uma vinoteca, um espaço de coworking, uma academia de boxe e até mesmo um pequeno cinema com uma programação temática que muda por temporada. Principalmente quando chega o bom tempo, seus mais de 4.000 metros quadrados se transformam em uma tentação para se tomar uma bebida e encontrar os amigos.

PSG anuncia contratação de Neymar e fecha acordo por cinco anos

João de Bourbon     01:07    

Clube francês bancou multa milionária pelo atacante, que será apresentado oficialmente nesta sexta



O Paris Saint-Germain (PSG) acertou, após mais de duas semanas de idas e vindas, o pagamento da multa de 222 milhões de euros (821 milhões de reais) ao Barcelona pela multa rescisória de Neymar e confirmou a contratação do atacante brasileiro. Neymar assinará contrato com o PSG até 30 de junho de 2022, antes da Copa do Mundo do Catar. O jogador de 25 anos será apresentado nesta sexta-feira, 4 de agosto, em Paris, no estádio Parc des Princes. Trata-se da contratação mais cara da história do futebol.


Em declaração ao site oficial do PSG, Neymar afirmou que foi seduzido pela ambição do clube de conquistar títulos e entrar para o patamar das grandes potências mundiais. “Estou extremamente satisfeito por me juntar ao Paris Saint-Germain. Desde a minha chegada à Europa, o clube se tornou um dos mais competitivos e ambiciosos. O maior desafio, que me motivou a me juntar aos meus novos companheiros de time, é ajudar o clube a conquistar os títulos que os torcedores sonham. A ambição do PSG me conquistou tanto quanto a paixão e a energia que gera. Passei quatro anos na Europa e estou pronto para o desafio. A partir de hoje, vou fazer de tudo para ajudar minha equipe a vencer, abrir novos horizontes para o meu clube e dar felicidade a seus milhões de torcedores em todo o mundo”, disse o atacante, que vestirá a camisa 10 em Paris.

Já em seu perfil no Instagram, o craque escreveu em espanhol agradecendo pela parceria de sucesso com Luis Suárez e Lionel Messi, ressaltando que a decisão de trocar o Barça pelo PSG teria contrariado a vontade de seu pai. “Formei um ataque com Messi e Suárez que ficou na história. Tive a honra de atuar com o maior atleta que vi jogar e tenho certeza que não vou ver outro melhor que Messi, que se tornou um amigo dentro e fora de campo. Um atleta (eu) precisa de desafios. Vou contrariar meu pai pela segunda vez na vida. O PSG será minha casa pelos próximos anos e vou trabalhar para honrar a confiança que depositaram em meu futebol.”


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
© JBOURBON .Copyright 2007/2016 Todos os direitos reservados. O conteúdo do site JBourbon não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização. Av. Brigadeiro Faria Lima, 1.384, São Paulo/SP. Design Bloggertheme9. Hospedado no Blogger.